Treinos intensos e exercícios programados. A rotina das pessoas que frequentam academias ou praticam esportes envolve atividades pensadas especialmente para garantir o máximo de eficiência e os melhores resultados. No entanto, os objetivos podem não ser alcançados quando a alimentação é negligenciada ou feita de maneira inadequada.

Basicamente, a nutrição correta para os praticantes de exercícios deve conter uma boa quantidade de carboidratos e proteínas, já que eles são fundamentais para manter a energia corporal e fortalecer os músculos. No entanto, entender quando cada um desses grupos deve ser consumido e a quantidade ideal de cada um é fundamental para ter os resultados esperados. Caso não seja possível ter uma alimentação adequada ou caso você queira potencializar os resultados, vale a pena fazer a suplementação correta.

Para Eduardo Leite, diretor da Hard Suplementos, isso é fundamental para um resultado rápido e eficaz. “Além de ajudar o seu corpo a se recuperar melhor, os suplementos oferecem aos seus músculos os nutrientes necessários para o seu fortalecimento, garantindo aquilo que a alimentação não consegue suprir por si só”, comenta.

Alimentação Pré-treino

Para realizar uma atividade física intensa, o corpo precisa de energia. Para isso, é necessário ingerir alimentos com uma boa dose de carboidratos. Contudo, é importante ter o cuidado de não comer aqueles que possuem cadeias simples – farinhas refinadas, pães, bolachas recheadas e açúcares, por exemplo -, pois eles são digeridos rapidamente e causam um pico de energia, seguido de fadiga e cansaço. Por isso, o mais indicado é consumir carboidratos de cadeias complexas, como alimentos feitos a partir de grãos integrais ou frutas com alta concentração de carboidratos. Pães integrais, arroz integral, açaí e saladas de frutas (que podem ser acompanhadas de grãos como linhaça e granola) são as melhores opções.

Se for utilizar suplementos, os que aumentam a energia e a maltodextrina estão entre os mais indicados.

Alimentação Pós-treino

Após os exercícios, tudo o que for consumido será usado para recompor os músculos e ajudar no ganho de massa magra. Por isso, não é recomendado comer alimentos gordurosos ou cometer excessos, pois tudo será absorvido e todo o esforço dispensado no treino poderá ter sido em vão.

O mais recomendado é ingerir alimentos proteicos, como ovos, frango, peixes e iogurtes magros. Para potencializar os resultados e ter uma dose de proteínas mais alta, vale a pena fazer uso de um suplemento desse tipo, como os shakes proteicos e o conhecido Whey Protein.